terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Assinamos em baixo

Em meio à troca de amenidades e acusações, talvez o vereador mais sensato da tarde se chamou Caio Dutra, que estava em uma dia de lua cheia. O vereador indiretamente criticou a convocação da secretária e emendou: "A casa se transformou em uma palanque político para apenas esclarecer um disse não disse". Ele disse que achava estranho o comportamento dos vereadores que assinaram a convocação. "Se em 48 dias a própria bancada do prefeito já quer colocar a faca no pescoço é que algo está estranho", indagou.

O vereador foi mais além, e neste momento concordamos em gênero, número e grau. "Um político, seja vereador, prefeito ou agente político, que não sabe aceitar uma crítica, é porque ele não está preparado para assumir um cargo de tal importância", encerrou.

2 comentários:

Renato Alves disse...

Em tempo: 16 de fevereiro, dia do repórter.

“A profissão de repórter serve para mostrar o que está oculto, escondido, para raspar o verniz e tirar a casca”.

Marcelo Canellas, repórter especial da TV Globo, um dos melhores e mais premiados do país

No Prelo disse...

Renato, muito bem lembrado.

Então nos auto-congratulamos e parabenizamos a você e todos os repórteres que ainda buscam o algo a mais para publicar, sem ficar preso a apenas releases, prática infelizmente comum em nossa profissão.

Mas que fique aqui nossos parabéns registrados.